quarta-feira, 10 de junho de 2009

Série: Imagem Imaginada. Episódio de hoje: Saudade

A saudade é cantada, sentida, chorada. Eu tenho saudade do que já foi e do que ainda não foi, às vezes tenho saudade do que nunca será...

"Saudade, palavra triste quando se perde um grande amor"

"Saudade, diga a esse moço por favor, como foi sincero meu amor..."

"Era tanta saudade, é pra matar... Eu fiquei até doente, eu fiquei até doente
Se eu não mato a saudade, é, deixa estar, saudade mata a gente, saudade mata a gente"

"Chega de saudade a realidade é que sem ela não há paz,
não há beleza, é só tristeza e a melancolia
Que não sai de mim, não sai de mim, não sai..."

Qual a sua imagem de saudade?

7 comentários:

Borboletas nos Olhos disse...

Já sei que vou responder mil vezes, a imagem da saudade é um trem partindo, a pessoa pendurada na soleira acenando...

Contra a Maré disse...

Consegui cantar as 4 músicas... faltou uma: "Quando a saudade invade o coração da gente e pega a veia onde corria um grande amor, não tem conversa nem cachaça que dê jeito e nem uma amigo do peito que segure o chororô... Saudade já tem nome de mulher, que é pra fazer do homem o que bem quer...O cabra pode ser valente e chorar, ter meio mundo de dinheiro e chorar, ser forte que nem sertanejo e chorar e na lembrança de um beijo chorar..."

Contra a Maré disse...

A minha imagem de saudade é minha vó.
É lembrar da visão que eu tinha das torres da igreja do chão da sala de cimento queimado, pelas três janelas abertas. É lembrar dos tijolos gastos do corredor, das meias paredes, dos portais, dos penicos de louça.
É lembrar do seu cheiro de cachimbo de fumo, é lembrar dos seus bolos "fofos" com qwueijo e dos "quisuco" de morango sempre na geladeira.
Do fogão a lenha e do quintal enorme cheio de segredos e mistérios.
Lembrar da prateleira de cristais e lembrar do dia que ela partiu.
Mas não é saudade só boa, é das que entristece e faz chorar.

Adryana disse...

Que fala mais linda, a do meu amor...
Minha imagem de saudade é da minha mãe, que sempre estava longe ou partindo e da minha avó-mãe que partiu para sempre...
Meu cachoro Dog e meu cachorro Pretinho... e mais...
Da minha cumade-irmã que está longe...
Não me lembro de um único dia de minha vida que não tenha sentido saudade...

Borboletas nos Olhos disse...

Para mim, saudade hoje é sinônimo de fortaleza (com f maiúsculo e minúsculo)

Aline disse...

BOm, minha irmã. Atualmente ela mora no exterior, mas há mais de 20 anos q ela vai pra lá, volta pra cá. Ela já morou em tantos partes do mundo... O mais engraçado é que eu achava que depois de véia era pra eu não me acabar de chorar e não ficar deprê por causa dela, mas tá é piorando!!

Marília disse...

No meu caso são tantas...
A mais nova e o tchauzinho da minha mãe portão de casa quando vou pra meu lar.
A penultima é; minhas cunhadas e meu afilhado indo morar em outro estado.
Tem muito mais...
...mas, concerteza, não dá pra colocar aqui.